Serei suspeita para falar de um local que conheço bem, ou até para falar do norte de Portugal, sendo que sou proveniente de lá. No entanto, é com muito carinho que lhes vou falar sobre um local especial, sitio que regresso quase todos os anos e que quando era miúda passava férias, é claro que me estou a referir a Vila do Conde.

Para quem não é da região do Porto ou do Minho certamente que não conhece nem nunca ouviu falar, mas Vila do Conde é um lugar muito acolhedor, com praias fantásticas, com diversão e com história.

Conhecida especialmente pela equipa de futebol, o Rio Ave Futebol Clube, que atrai muitos visitantes, mas a cidade tem muito mais para lhe oferecer para além de bola e futebol. Mas par isso comecemos pelas gentes… Pessoas de trabalho, muitas delas ligadas ao mar (pescadores), aqui encontrará pessoas bairristas, de apego fácil e familiar. Povo genuíno e de muito caráter, aqui o que necessitar os vila condenses irão ajudar.

Terra de bom peixe, em qualquer restaurante encontrará uma boa sardinha, uma dourada ou até uma francesinha, que não é peixe mas é típico da região do Porto.

Em Vila do Conde pode sempre fazer uns dias de praia, escolhendo em um dia a praia de Vila Chã, noutro a do Mindelo, a da Árvore ou a das Caxinas, esta última que se situa mesmo próxima do centro da cidade. Como estamos no norte a água é mais fria do que o normal mais para sul, mas o areal e a boa conservação das praias vão motivá-lo a ficar.

Outro motivo para começar a passar férias por cá é a vida noturna. A diversão é um pouco sazonal, isto porque a altura forte é o verão com a abertura do Forte de São João e o bar Seca. Contudo, a diversão no centro da cidade e nos bares é constante.

Para se alojar poderá optar por uma casa de férias alugada ou por hotéis, sendo que mesmo em Vila do Conde a oferta turística não excede a meia dúzia.

Câmara Municipal de Vila do Conde

Câmara Municipal de Vila do Conde

Para quem procura turismo cultural poderá dar uma espreitadela no Miradouro de Santa Clara, no Museu do Mar, no Navio do Séc. XV que se encontra bem no centro da cidade, ou até fazer uma visita a uma das muitas igrejas da cidade.

O que por cá existe são imensas mais-valias para conhecer esta pérola portuense e deliciar-se com tudo o que ela lhe oferece.