Serra da Estrela, fonte de todas as verdades locais

A Serra é mesmo um lugar fantástico…

A Serra da Estrela é um lugar… perdão, um conjunto de lugares absolutamente fantásticos. A variedade é inigualável e transporta qualquer visitante para a sua própria história.

Fotogaleria de Manuel Ferreira

Perdoem-me a paixão com que falo da “Serra”! Não o faço apenas por ser serrano, faço-o principalmente porque em cada vez que resolvo “subir a serra” me vejo envolvido num enredo de uma história completamente diferente.

Já houve romances… já houve aventuras… já houve comédias e até tragédias… Os atores destas histórias foram vários mas a protagonista foi sempre a mesma… A Serra.

É impressionante o poder que ela tem para conduzir a nossa mente… é irreal a forma como nos faz sentir os elementos quando respiramos, imaginar seres místicos quando observamos, criar fantasias enquanto saboreamos, cantarolar enquanto ouvimos ou recordar quando tocamos…

Assim falava Miguel Torga Sobre a Beira e a Serra da Estrela

“Alta, imensa, enigmática, a sua presença física é logo uma obsessão. Mas junta-se à perturbante realidade uma certeza ainda mais viva: a de todas as verdades locais emanarem dela. Há rios na Beira? Descem da Estrela. Há queijo na Beira ? Faz-se na Estrela. Há roupa na Beira? Tece-se na Estrela. Há vento na Beira? Sopra-o a Estrela. Há energia elétrica na Beira? Gera-se na Estrela. Tudo se cria nela, tudo mergulha as raízes no seu largo e materno seio. Ela comanda, bafeja, castiga e redime. Gelada e carrancuda, cresta o que nasce sem a sua bênção; quente e desanuviada, a vida à sua volta abrolha e floresce. O Marão separa dois mundos — o minhoto e o transmontano. O Caldeirão, no pólo oposto de Portugal, imita-o como pode. Mas a Estrela não divide: concentra.”

Herman Melville e o misticismo da Serra, em “Moby Dick”

Aqui, a verdade da vida iguala a lenda, mesmo quando se trata de uma velha história como a da Serra da Estrela em Portugal, onde se diz existir perto do cume um lago em cuja superfície flutuam as carcaças de navios naufragados no oceano…”

Vergílio Ferreira, em “A Estrela”

Um dia, à meia-noite, ele viu-a. Era a estrela mais gira do céu, muito viva, e a essa hora passava mesmo por cima da torre. Como é que não a tinham roubado? Ele próprio, Pedro, que era um miúdo, se a quisesse empalmarm era só deitar-lhe a mão. Na realidade, não sabia bem para quê. Era bonita, no céu preto, gostava de a ter. Talvez depois a pusesse no quarto, talvez a trouxesse ao peito. E daí, se calhar, talvez a viessa a dar à mãe para enfeitar o cabelo. Devia-lhe ficar bem, no cabelo.

Guarda Cidade Natal 2017. Ainda mais aconchegante!

A Guarda Cidade Natal 2017 abre oficialmente no dia 1 de dezembro, pelas 17h00, com música, acrobacias, circo, cuspidores de fogo e muitas surpresas. A entrada faz-se pelos pórticos da Rua do Comércio e da Rua da Torre. Na sessão de abertura vão estar várias personagens do imaginário infantil como a Bolacha de Gengibre e o Soldadinho de Chumbo. Malabaristas, Acrobatas, Bailarinas são outras figuras do universo natalino que participarão da festa. Não podemos esquecer o Pai Natal, que chegará, nesta edição, à sua Cidade Natal de Tuk Tuk!

Atividades e Animações Previstas na “Guarda Cidade Natal 2017”

A Praça Luís de Camões (Praça Velha) será uma vez mais o centro de toda a animação da Guarda Cidade Natal 2017. É lá que será instalada a grande novidade desta edição, uma rampa de gelo com cerca de 24 metros de comprimento,  que promete divertir e encher de adrenalina sobretudo o público mais jovem.

Não podia faltar a Casa do Pai Natal, onde o próprio irá receber as crianças e todos os seus pedidos, a árvore de natal, que nesta edição conta com 13 metros de altura e será inspirada nos cristais de gelo, o habitual Carrossel Parisiense e o sempre mágico Globo de Neve.

Como pano de fundo, a Guarda Cidade Natal 2017 terá a sempre linda e monumental Sé da Guarda, vestida a preceito com iluminação adequada à ocasião.

Outras Iniciativas Relevantes

À Cidade Natal juntam-se ainda muitas outras iniciativas de cariz económico e socia: O Concurso de Montras da Guarda, com os estabelecimentos comerciais da cidade; A iniciativa “Cidade de Cristal” que conta com a colaboração de 47 Instituições do Conselho Local de Ação Social e com 71 escolas e Jardins de Infância do concelho, do ensino público e privado; O espetáculo das Janeiras, a 6 de Janeiro, com as coletividades do concelho; O musical de Natal “O Mundo de Plimplix” nos dias 4 e 5 de janeiro para as crianças das escolas.

Concurso de Montras de Natal, Guarda Cidade Natal 2017

O Concurso de Montras de Natal decorre de 1 a 30 de dezembro e as lojas que desejem concorrer deverão fazer a sua inscrição até 27 de novembro no sítio de internet do Município. A melhor montra ganhará 1000 euros e o vencedor será anunciado a 6 de janeiro, no encerramento do programa de animação de Natal.

Concurso de Montras de Natal - Guarda Cidade Natal 2017

As montras serão avaliadas entre 1 e 30 de dezembro por um júri, mas também pelos munícipes que assim o desejem, através de site do município. Os critérios de avaliação serão a originalidade, a criatividade, a harmonia estética do conjunto, as cores e materiais utilizados e a Iluminação.

“Cidade de Cristal”

A “Cidade de Cristal” é um desafio que o Município fez às escolas e instituições do concelho para a realização de um Vitral que representasse as cores, as imagens e a alegria do Natal. O resultado pode ser visto no Jardim José de Lemos entre 1 de dezembro e 6 de janeiro.

As Janeiras e “O Mundo de Plimplix”

Os espetáculos das Janeiras, irão decorrer todos no TMG. Nos dias 4 e 5 realizam-se com as crianças das escolas do concelho da Guarda que irão também assistir ao espetáculo de Natal “O Mundo de Plimplix” e a 6 de janeiro o município volta a juntar coletividades do concelho, 22 nesta edição, para o espetáculo de encerramento do programa de Natal. O palco será transformado numa enorme sala e os diálogos entre os convivas criam a oportunidade para cada grupo desfilar, apresentando a sua canção de Janeiras. O espetáculo é orientado pelo músico César Prata.

Programa da Guarda Cidade Natal 2017

Com o programa de animação de Natal, a autarquia liderada por Álvaro Amaro pretende “dar ainda mais vida à Guarda, atraindo visitantes, revitalizando o coração da cidade, estimulando o comércio de proximidade, envolvendo as instituições públicas e privadas e, ao mesmo tempo, devolver a autoestima aos guardenses, despertando o espírito natalício, próprio desta época festiva”.

[em desenvolvimento]

 

Edição 2016 (vídeo por Beira Alta TV)

Guarda é cidade natal e organiza a passagem de ano mais alta do país

A Guarda é a Cidade Natal entre 1 e 25 de dezembro. Durante 25 dias, a Praça Velha [Praça Luís de Camões] vai transformar-se na Cidade Natal, espaço de tradição e do imaginário associado à época natalícia. Neste espaço serão recriados diversos ambientes, cruzando o universo do Pai Natal e dos Duendes, com a enorme Árvore de Natal, com 13 metros, com a diversão da Pista de Gelo coberta, do colorido e glamoroso Carrossel Parisiense e os brinquedos insufláveis da Ilha dos Doces, apelando sempre ao imaginário dos visitantes.

A Sé Catedral, monumento emblemático da cidade, terá especial relevo neste cenário natalício, o ex-libris guardense vai estar especialmente iluminado, dando mais brilho às noites da Cidade Natal, reforçando o conceito da magia do Natal
Outra das novidades da edição de 2016 de Cidade Natal será “A Jornada dos Reis Magos” no Largo João de Almeida (junto à igreja da Misericórdia). A iniciativa conta com camelos e dromedários ao vivo e uma tenda Berbere, onde vão estar também o Baltasar, o Belchior e o Gaspar.

Com esta iniciativa, a Câmara Municipal da Guarda pretende proporcionar a todos os visitantes uma vivência impar da quadra natalícia, onde em especial os mais pequenos viajarão num ambiente mágico oferecido pelas diversas atividades desenhadas à sua medida, desde a Casa do Pai Natal, à Oficina dos Duendes.

A par destas iniciativas, o Município da Guarda avança com outras atividades e parcerias, tal como em edições anteriores. É o caso do “Jardim de Presépios”, no Jardim Frei Pedro e no Largo 1º de Dezembro, onde irão surgir várias instalações inspiradas no Presépio tradicional, instalações essas levadas a cabo por escolas, jardins-de-infância, e Instituições que integram a Rede Social da Guarda. Também durante a Cidade Natal, o Município promove com os parceiros da Rede Social a feira, “Aconchego de Natal” que decorrerá nas Instalações da Antiga Galeria Época, na Rua 31 de janeiro.
A Rua da Doçura (na Rua da Torre) volta a marcar presença neste Natal com doces da época e artesanato urbano a destacar-se nas diversas lojas que o Município abre propositadamente nesta época para dar mais vida ao centro desta Cidade Natal.

Destaque ainda para o Concurso de Montras de Natal que o Município promove a par com a ACG e cujo primeiro prémio terá o valor de 1000 euros, para a melhor vitrina.

Do programa natalício constam ainda os espetáculos de Gospel (um no TMG e outro na Sé Catedral), vários concertos de Natal (na Igreja da Misericórdia, Na Igreja da Guarda-Gare e no TMG), uma exposição no Museu, teatro (pela Fundação Vodafone) na Alameda de Santo André e o tradicional Madeiro de Natal na tarde de consoada que volta a arder no Largo João de Almeida, junto à igreja da Misericórdia e que contará, tal como em edições anteriores, com animação e DJ’s. Destaque também para o espetáculo “Ruca” para as crianças do ensino público e privado dos Jardins-de-infância e escolas de 1º CEB do concelho que decorrerá no TMG.

O programa encerra no Dia de Reis, 6 de janeiro, com o espetáculo das Janeiras “Ó da Casa!” no TMG.

A mais alta Passagem de Ano com Amor Electro

Mas as festividades não terminam no Natal, a Câmara Municipal da Guarda quer que a entrada em 2017 seja inesquecível e feita a partir do coração da “cidade mais alta” e por isso, no dia 31 de dezembro todos os caminhos vão dar à Praça Velha [Praça Luís de Camões].

As festividades marcadas para o centro histórico da Guarda prometem a maior das Passagens de ano da Região com um fantástico espetáculo de Videomapping, com o concerto de uma das melhoras bandas Pop nacionais da atualidade, os Amor Electro e ainda com a atuação do DJ Nuno Luz, pela madrugada dentro. O Município da Guarda desafia todos a vir brindar ao novo ano na mais alta das passagens de ano do país!


PROGRAMA
1 a 25 de dezembro
A Cidade Natal
Praça Luís de Camões /Largo João de Almeida
Neste espaço serão recriados diversos ambientes, cruzando o universo do Pai Natal, dos Reis Magos edos Duendes.

1 de dezembro a 6 de janeiro
Jardim de Presépios
Jardim Frei Pedro | Largo 1º de Dezembro
Em parceria com jardins de Infância e escolas do concelho, de Ensino básico, secundário, artístico, profissional, superior, dos setores público e privado.

1 a 25 de dezembro
Rua da Doçura
Rua da Torre
Os doces da época e artesanato urbano em diversas lojas da Rua da Torre, que o Município abre propositadamente nesta época, para dar mais vida ao centro histórico da cidade e a esta Cidade Natal.

1 a 30 de dezembro
Concurso de montras
Lojas da Cidade da Guarda
Em parceria com a ACG
1º Prémio para a Melhor Montra: 1 000 euros

2 de dezembro
Harlem Gospel Choir
Grande Auditório do Teatro Municipal da Guarda
21h30

4 a 18 de dezembro
Concertos de Natal
Espetáculos pelos vários grupos do Centro Cultural da Guarda, em várias freguesias rurais do concelho.

7 de dezembro
Concerto de Natal pelos alunos do Conservatório de Musica do Colégio de São José
Grande Auditório do Teatro Municipal da Guarda
21h30

10 e 11 de dezembro
Feira Social Aconchego de Natal
Instalações da Antiga Galeria Época, Rua 31 de janeiro
Em parceria com as Instituições da Rede Social da Guarda

10 de dezembro
Concerto Gospel
Sé Catedral da Guarda
18h30

11 de dezembro
Orfeão da Santa Casa da Misericórdia de Gouveia
Igreja Matriz da Guarda-Gare
21h30

14 de dezembro
Espirito de Natal “O Macaco do Rabo Cortado”
Pela Fundação Vodafone Portugal
Alameda de Santo André
14h00 e 16h00

15 de dezembro
Exposição “DEL JARDÍN DEL BOSCO” – Florencio Maíllo
Museu da Guarda
18h00

18 de dezembro
Orfeão do Centro Cultural da Guarda
Igreja da Misericórdia
21h30

19 de Dezembro
Concerto “Alma de Coimbra”
Grande Auditório do Teatro Municipal da Guarda
21h30

24 de dezembro
Madeiro de Natal 2016
Largo João de Almeida
16h00 – 19h00
Com Banda às Riscas, Sinos a rebate e DJ Natalício

3 e 4 de janeiro
As Janeiras + RUCA
TMG
Espetáculo para as crianças dos Jardins- de-infância e Escolas do 1.º CEB do ensino público e privado (cerca de 2 300 crianças)

6 de Janeiro
Ó da Casa – Espetáculo das Janeiras
Grande Auditório do Teatro Municipal da Guarda
21h30

Conheça 5 grandes razões para se deliciar com a Guarda

A comida

Por onde começar! Na Guarda cidade ou no distrito, difícil será escolher o melhor local para saborear um pitéu. Aqui encontrará dos melhores restaurantes, quer a nível de qualidade quer quantidade. Na mesa guardense não faltarão os enchidos, muito típicos da Guarda, os queijos, o borrego ou os doces artesanais.

Enchidos da Guarda

Enchidos da Guarda

Locais onde apreciar os pratos típicos? No Belo Horizonte, no Dom Garfo, no Bola de Prata, na Pensão Aliança, no Caçador, no Sardinha, na Mexicana, etc… O que não faltam são opções, e cada um terá um prato típico e diferenciado, o penoso é mesmo saber o que escolher.

A pureza da cidade

A cidade mais alta do país é também a urbe mais pura. A 1056 metros de altitude, a cidade da Guarda possuí um ar único em todo o país, isto devido à sua localização. É um local que os habitantes estimam, logo poluição quase não existe. Mas o facto de ser fria e ter a vantagem de ser uma cidade neve ainda a identifica como mais cristalina. Quando por cá passar irá reparar no que lhe escrevo.

Ar Puro da Guarda

Ar Puro da Guarda

Povo de trabalho

Carolina Beatriz Ângelo, natural da Guarda, médica e feminista portuguesa. Foi a primeira mulher a votar no país.

Carolina Beatriz Ângelo (à direita), natural da Guarda, médica e feminista portuguesa. Foi a primeira mulher a votar no país.

As gentes da Guarda por vezes são mal interpretadas devido à sua maneira mais discreta. Pessoas de trabalho, habituadas a dias agrestes, os guardenses, são gentes de fibra que superam tudo de uma forma muito singular e sem se lamentarem. Difíceis de conquistar, após se tornarem nossos amigos uma coisa poderá ter a certeza, são para a vida! Povo habituado a dar a camisola, no local de trabalho nunca o deixarão ficar mal. Mas acima de tudo são pessoas de palavra e de honra.

A cultura

O Teatro Municipal da Guarda (TMG) é um local arquitetonicamente bonito e diferente, que lhe vai agradar não sou pela beleza exterior como de conteúdo. A inovação anda de “mão dada” com o conservadorismo cultural no TMG. Aqui conseguirá encontrar espetáculos, exposições, concertos, workshops ou ateliês, para todos os gostos, géneros e feitios. Com uma agenda sempre atualizada o TMG reserva-lhe sempre novidades convidativas.

Teatro Municipal da Guarda

Teatro Municipal da Guarda

O que visitar na Guarda

Claro que a sua visita tem que começar pela Sé Catedral. Um monumento imponente, com uma circundante invulgar e que todos nós deveríamos conhecer um pouco da história. Cidade com testemunhos judaicos, aqui encontrará pontos da história do Judaísmo. Tem ainda Castros da Idade do Ferro que o irão deixar maravilhado com a conservação. Não podendo esquecer os museus que lhe mostram um pouco mais sobre esta cidade tão genuína.

Sé Catedral da Guarda

Sé Catedral da Guarda