Região beirã é elite no turismo de saúde

Todas as unidade termais localizam-se em locais tranquilos e aprazíveis, com contacto direto com a natureza, o que facilita o bem-estar quer físico quer mental.

O turismo de saúde está associado à atividade médica, no entanto a vertente de bem-estar da pessoa e a versão turística está cada vez mais na moda.

O foco é sempre a saúde, mas o cuidado com o corpo e a mente é cada vez mais uma preocupação dos portugueses. Muita gente procura este género de turismo fora do país, como é o casa da Tailândia, a Índia ou até o Brasil. No entanto, Portugal é riquíssimo nesta área medicinal. Alguns dos casos mais notórios são os distritos de Castelo Branco e da Guarda.

Em Castelo Branco encontra as Termas de Monfortinho e o H2otel Congress & Spa. Já no distrito da Guarda a oferta é mais alargada, existindo cinco locais de destaque. As Termas de Longroiva e as Termas do Cró, complexos termais de luxo. Mas no mesmo distrito encontra ainda as Termas Caldas da Cavaca, as de Fonte Santa (Almeida) ou o Inatel em Manteigas.

produtos beleza

Todas as unidade termais localizam-se em locais tranquilos e aprazíveis, com contacto direto com a natureza, o que facilita o bem-estar quer físico quer mental. Quase todas a unidades dispõem para além dos serviços terapêuticos, unidades hoteleiras e serviços associados ao mesmo (como é o caso dos restaurantes, bares, etc…) para que a sua estada seja calma e relaxante.

As sete termas indicadas possuem a vertente estética, mas o lado médico não é descorado, existindo serviços como o termalismo clássico, a hidroterapia, imersões, a vapor ou na área das vias respiratórias.

Já não necessita de viajar para outro país ou outro continente. O nosso pequeno Portugal está apetrechado de maravilhas que ainda muitos desconhecem. Neste locais encontrará a paz de espírito que tanto procura.