Sou uma fã incondicional de Sintra, isto porque é um local que respira cultura, é de uma magnificência única, de uma envolvência singular. É impossível ficar-se indiferente a este local de tamanha beleza.

A vila é Património Mundial da UNESCO e ainda é denominada como Paisagem Cultural, denominação que inclui a Serra de Sintra, o centro histórico, muitos monumentos históricos e a abundante vegetação natural e exótica dos parques que cercam a vila.

Posso mesmo afirmar que Sintra é luxuriante, a enorme beleza das suas paisagens, quintas, jardins, mosteiros e castelos. Em Sintra encontrará uma unidade cultural intacta, e que ao longo dos tempos tem sido imensamente bem conservada.

Pixabay

Pixabay

Sintra irá retratar-lhe num verdadeiro conto de fadas. Com dois palácios,  dignos de princesas e príncipes, a visita ao Palácio da Regaleira  (ou Quinta da Regaleira) e ao Palácio da Pena são visitas imperiosas. Este último possui uma das paisagens e vistas mais bonitas que vi até hoje, já a quinta da Regaleira é um verdadeiro mistério, é um local envolvente e fascinante.

Magníficos são ainda os travesseiros de Sintra e as queijadas, de crescer água na boca. São imensos os locais de visita, como é o caso do Palácio Nacional de Sintra ou de Monserrate. O complicado será não se perder com locais tão mágicos como estes.

Pixabay

Pixabay

Mas a Vila Sassetti é outro dos locais a serem conhecidos. É difícil pedir-lhe para calçar as sapatilhas e partir à descoberta dos locais mais recônditos, no entanto, estou convencida que seria muito mais produtivo ou proveitoso. Este pedido é sugerido no seguimento de existirem vários percursos pedestres, os quais indicamos-lhe um gratuito, em Vila Sassetti, onde é permitido aos visitante apreciar a estética naturalista de Manini. Por entre esta caminhada passará por locais deslumbrantes e avistará outros muito conhecidos como é o caso do Castelo dos Mouros.

Pixabay

Pixabay

Sintra é um daqueles destinos que poderá conhecer e voltar lá por várias vezes, mas que ficará sempre surpreendido. Existirá sempre algum recanto por desvendar, por isso desfrute e deixe Sintra dar-se a conhecer!